Search
Close this search box.

“Sonho virando realidade”, diz Geraldo Júnior sobre a construção de 309 unidades habitacionais em Salvador

Programa Minha Casa Minha Vida vai garantir moradia popular digna para mais de 300 famílias da capital baiana

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Mais de 400 pessoas participaram da celebração da ordem de serviço para construção do Residencial Zulmira Barros, localizado às margens da Avenida 29 de Março, em Salvador, na manhã deste domingo (7). Presente no ato oficial, o vice-governador Geraldo Júnior ressaltou a importância do novo conjunto habitacional do programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, para garantir moradia popular digna para a população da capital baiana.

Anuncie no PB Branco

“O novo empreendimento é resultado da luta dos movimentos sociais e da parceria da Bahia com o Brasil. Tenho muito orgulho de fazer parte desse projeto ao lado do governador Jerônimo Rodrigues, do ministro Rui Costa e do presidente Lula. Juntos, estamos trabalhando para transformar a vida das pessoas e reconstruir o Brasil”, afirmou o vice-governador durante o ato, realizado no terreno onde será construído o residencial. Clique aqui e siga nosso canal no WhatsApp.

O secretário estadual da Casa Civil, Afonso Florence; as deputadas estaduais Olívia Santana e Maria Del Carmen; os vereadores Augusto Vasconcelos, Marta Rodrigues, Suíca e Joceval Rodrigues, além de dezenas de pré-candidatos a vereador e lideranças comunitárias participaram do evento. O nome do residencial é uma homenagem a uma ativista do movimento por moradia popular, Zulmira Barros, falecida em 2009. Zulmira foi homenageada no evento por outra importante liderança presente no ato, Marli Carrara, do Movimento União Nacional Por Moradia Popular.

Anuncie no PB Branco

Segundo Sâmio Carvalho, superintendente de Rede da Caixa Econômica Federal, serão aplicados R$ 49 milhões na obra, que terá 11 blocos e 309 unidades habitacionais. “Uma obra que vai gerar milhares de empregos ao longo dos dois anos de execução do projeto”, garantiu o superintendente. Segundo o gestor do banco estatal, o contrato para realização do residencial “já está assinado” e é fruto da parceria entre Caixa, Governo Federal e o Governo da Bahia.

“Eu vou acompanhar pessoalmente o cumprimento do cronograma dessa obra, porque a gente sabe que os futuros moradores do residencial já esperaram demais para realizar esse sonho. Como disse o presidente Lula, 2024 é o ano da colheita e a ampliação do acesso à moradia popular digna em Salvador é uma prova disso. Sonhar é bom, mas realizar os sonhos é ainda melhor. E esse é um sonho que já está virando realidade”, concluiu Geraldo Júnior.

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Notou algum erro no texto acima? Por favor, nos informe clicando aqui.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.
Anuncie no PB Branco