Search
Close this search box.

“Se eleito, Lula vai reinserir o Brasil no cenário mundial”, disse Alckmin em ato de filiação ao PSB

O ex-tucano deve concorrer como vice na chapa de Lula ao Planalto

Lula e Alckmin
Fotos: Ricardo Stuckert e Reprodução
Fotos: Ricardo Stuckert e Reprodução

No ato de sua filiação ao Partido Socialista Brasileiro – PSB, o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, saudou a legenda por apoiar a pré-candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Presidência.

Anuncie no PB Branco

Alckmin disse que Lula representa a democracia e afirmou que, se eleito, Lula irá reinserir o país no cenário mundial. “Não tenho dúvida de que o presidente Lula, se Deus quiser, eleito, vai reinserir o Brasil no cenário mundial”, disse.

Ao ingressar no novo partido, o ex-tucano abriu caminho para concorrer como vice na chapa de Lula ao Planalto. Em seu discurso de filiação, além de agradecer ao PSB pelo apoio a Lula, Alckmin afirmou que o petista representa a democracia e é o melhor nome para concorrer.

“Eu quero cumprimentar, Carlos Siqueira, o PSB, pela decisão de apoiar o presidente Lula para presidente da República. Nós temos que ter os olhos abertos para enxergar, a humildade para entender que ele é hoje aquele que melhor reflete e interpreta o sentimento de esperança do povo brasileiro”, afirmou Alckmin. “Aliás, ele representa a própria democracia, porque ele é fruto da democracia. Ele não chegaria lá (na Presidência) do berço humilde que sempre foi se não fosse o processo democrático”, acrescentou.

Bolsonaro

O ex-governador criticou o presidente Jair Bolsonaro (PL) ao citar ameaças ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao sistema eleitoral. Alckmin disse ainda que política exige “coragem” e que, apesar de ter disputado eleições contra Lula, os dois nunca colocaram a democracia em risco.

Vice-presidente

Ao ser questionado sobre o papel que espera exercer num eventual novo governo Lula, caso seja eleito vice-presidente, Alckmin respondeu que a disposição é de “ajudar”.

“Eu acho que reunir experiência executiva e legislativa. Eu fui vereador, deputado estadual e deputado federal constituinte, prefeito, vice e governador”, disse. O ex-governador também declarou que Lula tem “o pé no chão” e tem defendido uma aliança para vencer a eleição e governar.

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Notou algum erro no texto acima? Por favor, nos informe clicando aqui.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.
Anuncie no PB Branco