Search
Close this search box.
Anuncie no PB Branco

Programa Universidade Para Todos abre inscrições para 15 mil vagas

Os cursos são oferecidos pelas quatro universidades estaduais (Uneb, Uefs, Uesc e Uesb e a Ufrb)

Programa Universidade Para Todos
Foto: GovBA
Foto: GovBA

O Programa Universidade Para Todos (UPT), iniciou inscrições nesta terça-feira (12) e segue até o dia 22 de abril. São 15 mil vagas oferecidas pelo Programa, com início das aulas previsto para maio, quando começa uma jornada destinada ao fortalecimento das aprendizagens e à preparação dos estudantes para acesso ao Ensino Superior.

Os cursos são oferecidos pelas quatro universidades estaduais (Uneb, Uefs, Uesc e Uesb e a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (Ufrb). Para 2022, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC), realiza o investimento de R$10 milhões no Programa.

Realizado por meio virtual, o processo de inscrição no UPT é rápido e fácil. Basta acessar o Portal da Educação com os dados escolares e pessoais e preencher um questionário socioeconômico. O critério de classificação, inclui o lançamento das notas de português e matemática, do último ano do Ensino Médio para egressos e notas 2° ano, para o caso de concluintes que estão no 3° ano em 2022.

Anuncie no PB Branco

Público alvo

Além dos egressos do Ensino Médio das redes estadual ou municipais da Bahia, o Programa também incluí alunos no 4º ano da Educação Profissional. Também podem se inscrever alunos que concluíram os estudos através do Tempo de Aprender II, da Educação de Jovens e Adultos, concluído até 2008; e ainda aqueles que realizaram o exame supletivo ou Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Atualmente, o Programa Universidade Para Todos abrange os 27 territórios de identidade da Bahia, com atuação direta em 200 municípios e com 270 locais de funcionamento. Cerca de 30 mil estudantes já foram beneficiados. O UPT se consolida como uma importante política de inclusão para alunos da rede pública acessarem ao Ensino Superior.

Oportunidade

Os universitários que passaram pelo UPT podem voltar para o programa na condição de professor/monitor, a partir do terceiro semestre da graduação, caso desejem. Desta forma, o UPT figura ainda enquanto parte de uma política de permanência no ensino superior e garante a retroalimentação do programa, além de oportunizar o exercício da docência e garantir uma remuneração para os futuros profissionais.

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Notou algum erro no texto acima? Por favor, nos informe clicando aqui.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.