Search
Close this search box.

Professores de Salvador decretam greve por tempo indeterminado

Categoria pede reajuste do piso salarial nacional

Professores de Salvador decretam greve por tempo indeterminado
Foto: Divulgação APLB
Foto: Divulgação APLB

Professores da rede municipal de ensino de Salvador decretaram greve por tempo indeterminado a partir desta quinta-feira (19). A categoria pede o reajuste dentro do piso salarial nacional de 33,24%, enquanto a Prefeitura oferece somente 6%.

Anuncie no PB Branco

Os professores já haviam paralisado as atividades desde a última segunda-feira (16), mas a oficialização da greve aconteceu hoje em assembleia na Praça Municipal.

Cerca de 7.600 trabalhadores serão atingidos com a greve, enquanto 429 escolas municipais e mais de 163 mil alunos também serão impactados pela paralisação.

Em nota, a Prefeitura de Salvador afirmou que “a folha do magistério municipal já consome mais do que 100% dos recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb)”.

A gestão municipal disse ainda que já cumpre o piso salarial da categoria, conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), e também diz assegurar uma das melhores remunerações do Brasil para os professores da rede pública.

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.