Search
Close this search box.

Jair Renan nega tráfico de influência e lavagem de dinheiro e se diz revoltado

O filho 04 do presidente Jair Bolsonaro chegou à PF acompanhado do advogado Frederick Wassef que o orientou a não falar com a imprensa

Jair Renan nega tráfico de influência e lavagem de dinheiro e se diz revoltado
Foto: Reprodução/Facebook Jair Renan
Foto: Reprodução/Facebook Jair Renan

O filho do presidente Jair Bolsonaro (PL), Jair Renan Bolsonaro, prestou depoimento à Polícia Federal nesta quinta-feira (7) sobre as suspeitas de tráfico de influência e lavagem de dinheiro. Foram mais de 5 horas de depoimento.

Antes do compromisso na superintendência da PF em Brasília, em entrevista ao SBT, ele negou as acusações de recebimento de propina e de defender interesses empresariais junto ao governo.

​”Eu me sinto revoltado com tudo isso que tá acontecendo. Nunca recebi nenhum cargo, nenhum dinheiro, nunca fiz lavagem de dinheiro, e estão tentando me incriminar numa coisa que não fiz”, afirmou o filho 04 do presidente.

Renan chegou à PF às 16h, acompanhado do advogado Frederick Wassef. Wassef orientou seu cliente a não conversar com a imprensa na porta da PF e declarou que o rapaz é a “maior vítima do Brasil de fake news”. Afirmou que a PF abriu um inquérito a pedido de “comunistas”, referindo-se a representantes da oposição no Congresso, com base em mentiras.

“Renan Bolsonaro jamais marcou reunião ou atuou no governo, não recebeu carro, não recebeu dinheiro. São fake news, e o objetivo disso é atacar a imagem do presidente Jair Bolsonaro”, disse.

 

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.