Search
Close this search box.

Hassan repudia ação da ViaBahia, que acionou a Justiça para proibir manifestação de deputados

Deputados baianos denunciam a forma negligente na qual a concessionária administra as BRs 324 e 116

Deputado lança campanha para duplicação da BR 116:
Foto: Ascom/Alba
Foto: Ascom/Alba

O deputado estadual Hassan (PP), que move intensa campanha para obrigar a concessionária ViaBahia a cumprir o contrato assinado com o governo federal e concluir a duplicação da BR-116 – do Rio Paraguaçu até a divisa com Minas Gerais –, lamentou a decisão judicial proibindo a manifestação que estava marcada para acontecer, hoje (21), em Simões Filho.

Deputados baianos fariam nesta terça, no posto de pedágio da BR-324, uma manifestação para denunciar a forma omissa, desrespeitosa e negligente com que a ViaBahia administra as BRs 324 e 116. “Acatando pedido da concessionária, a Justiça determinou que a manifestação ocorresse a 100 metros da via, praticamente no meio do mato, o que inviabilizou o protesto”, disse Hassan, classificando como absurda a decisão judicial.

“Quem não deve não teme”, reflete Hassan, ponderando que “ao agir para proibir a manifestação, a ViaBahia, a pior concessionária do Brasil, tenta evitar que os parlamentares mostrem à população o estado precário em que se encontram as duas rodovias no território baiano, cenários diários de acidentes e mortes, provocados pela falta de manutenção”.

O parlamentar explicou que o objetivo da manifestação era convocar a população para participar da audiência pública marcada para o dia 28 de novembro, na Assembleia Legislativa da Bahia, convocada para cobrar ao presidente da ViaBahia, José Bartolomeu, esclarecimentos sobre o descumprimento de cláusulas do contrato de concessão, que prevê investimentos nas rodovias, e estão sendo ignoradas pela concessionária.

Hassan destaca que a manifestação foi aprovada pelas comissões de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo e de Agricultura e Política Rural da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), para denunciar a situação das rodovias administradas pela concessionária. “A população baiana está sendo desrespeitada e punida com elevadas taxas de pedágio, pagando para transitar por rodovias de péssima qualidade”, afirma Hassan.

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Notou algum erro no texto acima? Por favor, nos informe clicando aqui.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Tags: # #

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.