Search
Close this search box.

Brasil vive nova onda de casos de Covid, diz pesquisador da Fiocruz

Julio Croda avalia, no entanto, que número de óbitos não deve sofrer impacto

Pesquisa confirma prejuízos de memória em infectados por Covid-19
Foto: Divulgação Sesab
Foto: Divulgação Sesab

O infectologista e pesquisador da Fiocruz Julio Croda disse, neste domingo (12), em entrevista à CNN, que o Brasil está enfrentando uma nova onda de casos de covid-19, ligada às subvariantes da Ômicron.

“A gente está vivendo uma nova onda muito associada às subvariantes da Ômicron BA.4 e BA., que são responsáveis por esse aumento no número de casos”, disse.

Na semana que começou no dia 5 de junho até sábado (11), o índice de infecções aumentou consideravelmente. Dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), mostram que no período 292.068 novos casos de Covid-19 foram registrados no país.

Essa foi a semana com o maior número de novas infecções pelo coronavírus desde o intervalo entre os dias 6 e 12 de março – quando foram contabilizadas 317.082 contaminações.

No entanto, o pesquisador da Fiocruz avalia que esse aumento de casos não deve ter impacto no número de mortes. “No geral, essa nova onda parece ter um impacto menor do que foi a Ômicron e do que foi a Gamma, em 2021. Estamos vivendo momento de atenção, mas muito provavelmente esse impacto vai ser menor em termos de hospitalização e óbitos”, disse.

De acordo com Croda, estamos vivendo um período sazonal de vírus respiratórios. “Esses vírus estão relacionados a um aumento específico nesse período, mas precisamos ficar atentos às novas variantes, com maior escape de resposta imune e com a perda de proteção ao longo do tempo”, disse.

O pesquisador avalia que há público expressivo entre 12 a 40 anos sem o esquema vacinal completo. “A gente tem que entender que três doses de vacina neste momento é o esquema habitual, o esquema recomendado. É importante que a população atualize as vacinas”, disse.

Assista entrevista abaixo:

Siga a gente no Insta | Face | TwitterYouTube | Whatsapp.

Acompanhe o Panorama da Bahia no Google Notícias e fique sempre bem informado.

Notou algum erro no texto acima? Por favor, nos informe clicando aqui.

Apoie o Panorama da Bahia com qualquer valor e ajude a manter a integridade da nossa linha editorial: pix@panoramadabahia.com.br

Tags: # #

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

PODCAST

REDES SOCIAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Conteúdo protegido.